• Escrito por: Paulo Visualizações do site12 view

As cólicas menstruais, dores abdominais que acometem mulheres durante o período menstrual, são um problema comum. Embora a intensidade das dores possa variar, mais de 50% das mulheres brasileiras sofrem ou já sofreram com cólicas e suas consequências para a saúde, bem-estar e qualidade de vida.

Além das dores abdominais, a dismenorreia (cólica menstrual) pode vir acompanhada de outras dores, gerando incômodos e mal-estar que podem aparecer 48 horas antes da chegada da menstruação e persistir por até 72 horas. Tontura, fadiga, sudorese intensa, diarreia e dores de cabeça são alguns dos sintomas que tornam o período menstrual difícil de ser enfrentado por muitas mulheres.

Alguns hábitos, unidos ao uso de alternativas naturais de tratamento, podem contribuir de maneira saudável para prevenir e combater a cólica menstrual e outras dores decorrentes das contrações uterinas. Continue a leitura e conheça alternativas fitoterápicas que podem contribuir para a qualidade da sua rotina, reduzindo os incômodos menstruais.

Por que mulheres sentem cólicas menstruais?

A dismenorreia ocorre graças à ação da prostaglandina, substância que atua na contração do útero para auxiliar na sua descamação, uma vez que não houve a fecundação de um óvulo e o início de um período de gravidez. As dores acontecem justamente por conta desses movimentos peristálticos que auxiliam o útero a expelir o sangue menstrual, gerando incômodos no  abdômen inferior, que podem irradiar inclusive para a região lombar e pernas.  

A sensibilidade à dor das cólicas é diferente para cada mulher, e nem mesmo a ciência tem respostas precisas sobre as causas, fatores de predisposição e diferentes incidências sobre mulheres – muitas delas jamais sofreram com cólicas. Mas quem sofre costuma descrever a dor como pontadas e dores intensas na região lombar e abdominal e tem suas rotinas prejudicadas pelo intenso incômodo.

O acompanhamento junto a um ginecologista é importante para identificar as causas, reduzir os sintomas e tentar amenizar o sofrimento. Entretanto, antes de optar por tratamentos que apenas tratam problemas já existentes, por que não buscar práticas saudáveis e alternativas naturais para aliviar as dores e incômodos?

 Mudança de hábitos e redução das dores menstruais

A adoção de hábitos saudáveis, com a inclusão de uma dieta equilibrada e prática de exercícios físicos contribui para reduzir a incidência de sintomas do ciclo menstrual, incluindo a redução da chamada Tensão Pré-Menstrual (TPM) – conjunto de sintomas emocionais, comportamentais e físicos que afetam as mulheres antes do início da menstruação.

É importante consumir alimentos antioxidantes que reduzam o processo inflamatório do corpo, o que ajuda a diminuir a intensidade das dores. A prática de atividades físicas de maneira regular também contribui nesse sentido – o ideal é se exercitar durante todo o mês, reduzindo práticas intensas antes do período menstrual.

Reduzir o estresse também é essencial: questões emocionais impactam em desordens na musculatura, aumentando contrações e dores, afetando o útero e o endométrio. Nesse sentido, é importante prezar pela qualidade do sono e tentar adotar uma rotina mais leve.

Fórmulas fitoterápicas – soluções seguras e efetivas para cólicas menstruais

A natureza nos oferece soluções através de plantas com poderes medicinais para tratar e prevenir os incômodos causados pelas cólicas menstruais. A camomila, por exemplo, é bastante popular. Ela apresenta compostos químicos com propriedades anti-inflamatórias e anticancerígenas que são excelentes para a saúde feminina. Já o funcho, mais conhecido como erva-doce, é rico em fibras, vitaminas e minerais, sendo excelente antiespasmódico e eficaz no combate a sintomas gastrointestinais que também podem ocorrer no período menstrual.  

Uma opção em tratamento fitoterápico é o uso dos ativos dessas plantas através da ingestão de chás, ou de cápsulas manipuladas, contendo os extratos puros dos fitoativos, o que contribui para um tratamento mais seguro, eficaz e natural para os sintomas menstruais. O controle de qualidade da matéria-prima utilizada nos manipulados fitoterápicos garante a eficiência da ação terapêutica.

Leia também: Tratamento fitoterápico: o que é e para que serve

O conhecimento prévio das condições de saúde é essencial antes de usar qualquer medicação. Saber as limitações, restrições e objetivos do tratamento passa por um diagnóstico realizado por profissionais de saúde. Mas, uma vez conhecidas essas questões, as fórmulas manipuladas aparecem como uma opção de tratamento não apenas viável, como  também mais segura e eficiente. A possibilidade de associar ativos diversos em um único tratamento entrega aos pacientes tratamentos personalizados e, portanto, mais eficazes.

Fitoterápicos podem ser utilizados de maneira preventiva, através de um tratamento contínuo, ou para aliviar sintomas quando eles se apresentam. Nos dois casos, diferentemente dos anti-inflamatórios e analgésicos sintéticos, os efeitos colaterais e danosos ao organismo são drasticamente reduzidos.

Confira abaixo as alternativas fitoterápicas que a Singular Pharma oferece para você, que quer cuidar das cólicas menstruais com saúde. Prezamos pelo uso de ativos com a melhor qualidade do segmento de farmácias de manipulação da região. Com a Singular, você conta com a segurança dos nossos ativos e com a expertise de uma equipe especializada em oferecer soluções em qualidade de vida e bem-estar personalizadas.

Lembramos que é sempre importante buscar orientação do seu médico de confiança para conhecer restrições e possibilidades de uso para o seu caso específico:

Agoniada – planta medicinal com propriedades antiespasmódicas e sedativas, reduz as cólicas menstruais e sintomas diversos. Auxilia a regular o ciclo menstrual e no tratamento de inflamações do útero e corrimentos vaginais.

Vitex agnus-castus – ricos em flavonoides, os óleos essenciais da vitex atuam sobre os hormônios femininos, tratando ciclos menstruais irregulares, ausência de menstruação, síndrome pré-menstrual e dores nos seios. Também melhora sintomas emocionais como ansiedade, tristeza e irritabilidade.

Angélica – possui excelente ação no quadro das cólicas menstruais, por melhorar a circulação sanguínea e reduzir as contrações musculares.

Açafrão – ajuda a tratar alterações no comportamento alimentar que surgem durante o período menstrual. Ele é eficaz no combate a sintomas depressivos, além de aumentar a sensação de saciedade.

Cavalinha – seu efeito diurético pode contribuir para amenizar sintomas como o inchaço abdominal, decorrente da maior retenção de líquidos, reduzindo as dores provocadas pelas cólicas. Seu uso exige cuidados redobrados com a hidratação.

Agora que você conhece mais sobre as soluções fitoterápicas que podem mudar a forma como você lida com seu ciclo menstrual, entre em contato com a equipe Singular Pharma e solicite seu orçamento. Se precisar de ajuda, nossos consultores podem orientar e tirar suas dúvidas.

Quero solicitar meu orçamento.