• Escrito por: Vanessa Visualizações do site12 view

Você sabia que a natureza, além de fornecer todos os elementos necessários à vida (o ar que respiramos, os alimentos que comemos, a água que bebemos), oferece também matéria-prima para a prevenção e tratamento de doenças? Isto é possível porque diversos elementos vegetais possuem propriedades terapêuticas que, aliadas ao conhecimento científico, atuam não apenas na cura de enfermidades, como na melhoria da qualidade de vida.

Os medicamentos fitoterápicos, encontrados em farmácias de manipulação, são fruto do aproveitamento do poder medicinal das plantas. Eles apresentam resultados, a curto e a longo prazo, tanto na saúde física quanto na saúde emocional.

MEDICAMENTOS FITOTERÁPICOS

O tratamento fitoterápico é realizado com remédios fitoterápicos, também conhecidos como fitoativos. Eles são uma classe de medicamentos fabricados a partir da matéria-prima vegetal: folhas, raízes, ceras, óleos, extratos ou sementes de plantas que possuam alguma ação terapêutica.

Chás a partir de ervas naturais, plantadas em casa ou compradas em supermercados não são medicamentos fitoterápicos. O que diferencia o medicamento fitoterápico é a associação princípios ativos obtidos de partes das plantas, a comprovação científica e a segurança. Os chás podem ser perigosos à população geral pois o uso corriqueiro, baseado no conhecimento comum, nem sempre está atento aos riscos. Muitas folhas são tóxicas e quando consumidas em forma de chá, podem ser prejudiciais. Com respaldo científico na elaboração e produção, o medicamento fitoterápico é seguro, evita a contaminação por substâncias agrotóxicas e desconhecidas, e por microonganismos, como fungos e bactérias.

A diferença principal entre fitoativos e remédios não fitoterápicos (ou sintéticos, que são vendidos nas drogarias comuns) é a composição: enquanto os sintéticos podem conter outros tipos de princípios ativos (inclusive substâncias nocivas à saúde), os fitoterápicos utilizam apenas insumos vegetais.  Assim como os sintéticos, os fitoterápicos são medicamentos, com rigor e segurança sobre as suas fórmulas. Eles são fabricados em laboratórios, respeitando o conhecimento científico de associação de substâncias, quantidades (dosagens) e formas de manipulação. Nos fitoativos, são usadas apenas plantas liberadas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Todas elas passaram por testes clínicos para verificação de segurança, eficácia e potenciais riscos à saúde.

PORQUE OPTAR POR UM TRATAMENTO FITOTERÁPICO?

Pessoas que desejam controlar sintomas da saúde emocional (como ansiedade e depressão), cuidar de doenças crônicas pré-existentes (como obesidade, diabetes, doenças cardiovasculares ou pulmonares) ou melhorias de questões estéticas (saúde da pele, cabelos, peso e massa muscular) podem se beneficiar do uso de compostos fitoterápicos.

A vantagem deles é que por serem produzidos a partir de plantas, geram menos efeitos colaterais e menos potenciais efeitos adversos do que as substâncias sintéticas ou de origem animal. Eles contribuem também para a longevidade do paciente: quem usa menos industrializados, vive mais, e fica livre dos efeitos nocivos e até mesmo desconhecidos dos sintéticos que podem aparecer com o tempo.

Outra vantagem é que no tratamento fitoterápico, é possível combinar fitoativos diversos em um único medicamento, prevenindo e cuidando ao mesmo tempo de doenças diferentes. O ideal é sempre seguir a orientação de um profissional de saúde (farmacêutico, nutricionista ou médico).

O tratamento fitoterápico atende a diversas demandas. Confira alguns dos benefícios que podem ser extraídos das substâncias fitoativas:

  • Ação antioxidante, anti-inflamatória e analgésica;
  • Ação diurética (melhora o fluxo urinário), antidisplidêmica (reduz o nível de gordura no sangue) e hipoglicemiante (diminui a taxa de açúcar no sangue);
  • Ação termogênica;
  • Auxiliam no ganho de massa muscular, desempenho dos treinos e perda de peso;
  • Efeitos ansiolíticos e antidepressivos;

Além dos medicamentos fitoterápicos com fórmulas patenteadas específicas e já registradas, é possível recorrer a uma farmácia de manipulação para que ela formule um composto fitoterápico personalizado, adequado para o tratamento específico desejado por cada paciente. Com isto, é possível produzir fórmulas compostos fitoterápicos de acordo com  necessidades individuais.

A Singular Pharma é especializada na produção e venda de fitoterápicos. Além de manipular fórmulas individualizadas com qualidade e excelência de uma equipe especializada e laboratórios de última tecnologia, disponibiliza fórmulas fitoativas eficazes, com sucesso de público e vendas. Confira alguns dos fitoativos mais procurados que estão disponíveis na Singular Pharma e que apresentam ação no combate a problemas diversos de ordem física e emocional.

CINDURA: buscado por pessoas que querem ganhar massa muscular, o composto combina extratos de Garcinia mangostana e Cinnamomumtamala, que aumentam o desempenho do atleta nos exercícios de força, contribuem com a síntese da testosterona, aumentam a vascularização e possuem capacidade antioxidante.

RHODIOLA ROSEA: Conhecida popularmente na Ásia e Europa Ocidental, esta planta aumenta a resistência do organismo a agentes “estressores”, sejam físicos, químicos ou biológicos. Atua nos sintomas da depressão, promovendo maior capacidade de concentração e melhor desempenho físico e mental, devido à diminuição da fadiga e estresse.

MOROSIL: produzido do extrato do suco da laranja Moro, o fitoativo auxilia no controle de peso e na perda do excesso de gordura abdominal. Possui também ocitocinas, antocianinas, substâncias com propriedade antienvelhecimento que atuam na melhoria da qualidade da pele,  aumento de sensibilidade à insulina, redução dos níveis de colesterol e triglicerídeos.